Os erros mais comuns que os pais cometem na hora de alimentar os filhos.

Olá mamães e papais!
Tudo bem? Espero que sim!

Hoje vamos falar de como é na hora de alimentar os filhotes. Bem, no meu caso Heitor sempre foi bom de garfo, gosta de comer de tudo e além do mais muita quantidade, então não tive problemas com quantidade mas sim de como ele se alimentava, pois comia andando, brincando e eu andando atrás dele para que ele pudesse comer tudo. Até que um belo dia eu cansei, e com total apoio da pediatra comprei um cadeirão para a mesa (Tipo de restaurante), pois ele tinha aqueles outros que vendem em lojas de artigos para bebês, mas ele mexia e revirava tanto que tive medo dele cair e não era na altura da mesa, então ele comia em frente a mesa porém um pouco afastado.
Queria algo que ele comesse igual a gente e com a gente, pois prezo muito as refeiçoes em família e queria desde cedo ensina-lo. Depois que comprei o cadeira e comecei a ensina-lo que comer é na mesa tudo melhorou, mas confesso no começo foi muito difícil, porém posso garantir que o retorno esta sendo maravilhoso. Mas sei que ainda erro muito e pensando em várias mães que erram ou erraram mas querem sempre acertar assim como eu, irei colocar aqui os erros mais comuns que os pais cometem nesta hora tão importante que é alimentação dos nossos filhos.


Preparar a refeição com todo o carinho, chamar o filho para comer, mantê-lo sentado à mesa com os demais para fazer uma refeição em família. Parece fácil, mas, na prática, a hora de comer pode se transformar em uma batalha. Para vencer essa luta, pais e mães acabam lançando mão de alguns artifícios que até parecem resolver no momento, mas se tornam um problema no futuro.
Veja quais são as situações em que os pais mais se atrapalham na hora de alimentar os filhos e confira as melhores estratégias para contornar cada problema:


Pressionar os filhos a comer mais:
Quando a criança é forçada a ‘limpar o prato’, acaba perdendo o senso de saciedade.
Comer bem não é comer muito. Ofereça uma quantidade moderada de alimentos ao seu filho para que ele se acostume a comer até ficar satisfeito, e não estufado. Se ainda estiver com fome, vai pedir mais - para a sua alegria! Lembre-se que o melhor é qualidade e não quantidade!

Inventar apelidos ou camuflar vegetais:   
Essa é uma prática comum, assim como camuflar vegetais que não agradam as crianças no meio da comida. Essas táticas podem até ser eficientes a curto prazo, mas são prejudiciais. À medida em que a criança cresce, ficará mais difícil driblá-la, e ela passará a se negar a comer os alimentos.
Converse com as crianças sobre os benefícios reais trazidos por alimentos saudáveis. Não é preciso dizer que a cenoura fará com que seu filho tenha visão de raio-X, por exemplo, basta falar que ela faz bem à visão, a pele, entre outras coisas. Quanto mais cedo começar essa conversa, mais fácil será convencê-lo.

Mandar as crianças para fora da cozinha enquanto você prepara a refeição:
Fogo, faca, forno. A cozinha é mesmo o cômodo mais perigoso da casa. Mas especialistas afirmam que cozinhar junto com o filho pode ajudar a mudar os hábitos alimentares dele e até estimulá-lo a consumir mais verduras e legumes.
Sempre com você por perto, seu filho pode, sim, brincar com massas, lavar uma fruta e ajudar a misturar ingredientes, por exemplo. E mesmo no cadeirão, ele pode observar você no preparo das refeições. Assim, entre um prato e outro, vai conhecer os legumes e se interessar por eles. Levá-lo à feira ou ao supermercado e permitir que ele escolha alimentos também é uma boa forma de incentivá-lo a ter uma alimentação saudável.

Deixar as guloseimas longe das crianças e oferecê-las como recompensa:
Onde você guarda as guloseimas na sua casa? Esse lugar pode fazer toda a diferença. Você sabe bem que criança adora tudo que é proibido e também gosta de brincar de caça ao tesouro, então, esconder doces e guloseimas pode ser um estímulo.
Para evitar que seu filho coma guloseimas sem parar, crie regras de consumo, diga a ele quando e em que situações poderá comer. Isso fica mais fácil quando a criança ainda é pequena, porque ela se acostumará. Mas, se seu filho já é maior, deixe os doces para os fins de semana. Se ele pedir mesmo assim, seja forte e diga não. Também não vale oferecer como recompensa em troca de um ‘prato limpo’: isso pode fazer com que a criança encare a comida como vilã.

Oferecer verduras e legumes sem graça:
Se tem uma coisa com a qual todo mundo concorda é que ensopadinho de chuchu não é um prato que se possa chamar de tentador. Mas dá para deixar as verduras e legumes um pouco mais atrativos, sim!
O trabalho começa já na hora da compra. Vegetais frescos têm aparência melhor. Cuidado para não deixar aqueles que precisam ser preparados no vapor passar do ponto, desligando o fogo quando eles ainda estão crocantes. E não é preciso decorar cuidadosamente o prato, com carinhas, por exemplo, todos os dias. Como isso também é uma forma de camuflar os alimentos, use a tática com moderação (em dias especiais, por exemplo). Cortar em cubinhos ou em rodelas já é suficiente.

Desistir rápido demais ao oferecer um novo alimento:
Pense no milho. Ele pode ser apresentado em diferentes formas: na salada, cozido, refogado, como bolinho, creme, suco e até bolo. Este é o exemplo que você precisa seguir em casa antes de dizer que seu filho não gosta mesmo de determinado alimento.
Os pediatras aconselham a oferecer o mesmo alimento, pelo menos, de sete jeitos diferentes e várias vezes. Não é um exagero. A criança pode não comer no primeiro dia, mas aos poucos, a forma de apresentação ou a curiosidade vai levá-la a experimentar e ele pode gostar. Mas, se depois de todas as tentativas ela continuar se recusando a comer, aí sim, você pode dizer que ela não gosta.

Hoje, sei que ainda tenho que melhorar em muitos quesitos na alimentação do Heitor, mas sei que estou na direção correta, e isso para mim que vale muito!

E aí na casa de vocês, como é na hora da alimentação???

Espero que tenham gostado e pratiquem muitas destas dicas!

Bjos e até a próxima!

32 comentários:

  1. Ótimas as dicas
    Aqui em casa estar horrível dar comida a Luma rss
    Ela não fica quieta
    Bjkas
    http://segredosdaluma.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com HEITOR também era assim, mas tive que tomar uma decisão se não ele não aprende!
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
    2. Tatty! Adorei esse post! Particularmente gosto desse tema porque sou expert! RS! Todas as minhas amigas morrem quando vem minha filha comer e queriam que seus filhos também fossem assim! A verdade é que quando Ziza nasceu parei de trabalhar e pude me dedicar realmente a ensiná-la a comer bem. Tive dificuldade no começo, lógico! Mas o resultado hoje, 4 anos depois, é muito bom! E seu texto está ótimo, e as dicas perfeitas! Eu adorei!

      Excluir
    3. Tatty! Adorei o post de hoje! Adoro esse tema porque sou expert nele! Minha amigas morrem quando vem minha filha comer! Não acreditam e queriam que os filhos também fossem assim! Na verdade parei de trabalhar quando ela nasceu e tive todo tempo do mundo para me dedicar a essa função que é fazer com que os filham comam direito e formar o paladar deles. Não foi fácil, mas não desisti e o resultado, 4 anos depois, é muito bom! Ziza come de tudo e a quantidade é o suficiente! Adorei seu texto, está claro e as dicas precisas! Parabéns!

      Excluir
  2. Legal as dicas, aqui tambem o nathan come de tudo, espero que continue assim por muito tempo...rs
    Bjinhos

    tem sorteio no meu bog, passa lá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também espero!kkkkk
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  3. Ótima postagem!
    bjs
    http://estou-crescendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  4. Oi Tatty adorei as dicas... anotando tudo para usar com minha pequena. Adorei seu blog!! Voltarei sempre!!
    Dá uma passadinha no meu tbm!!
    http://mamaeamelia.blogspot.com.br/
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom vc gostou flor! Claro que vou conhecer o seu.
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  5. Aqui graças a Deus meu menino está bom de boca. Mas teve uma fase muito difícil.

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fases....kkkkkk
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  6. legal as dicas, aqui a hora do almoço é umchamego, correndo atras da alycia e isabella nos meus braços
    kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk sei bem como é kkk
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  7. aff como tenho errado rs
    demorou mais esse ano conseguir colocar ordem e todos
    comem a mesa rs
    não faço comida com minha filha na cozinha,
    eu escondo o que ela come kkkkkkkkkkkkk
    pressionar é com meu marido mesmo rs
    aff vou parar por aqui se não
    mudando......

    amei a postagem

    linda noite bjs

    http://sermamaepelasegundavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkk
      Haa mas mãe sempre erra querendo acertar!
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  8. Amiga, Joseph era super bom de garfo, de uns tempos pra cá tem escolhido muito o que vai comer, engraçado que na casa da senhora que fica com ele, come de tudo, é mole?
    Super dicas,bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas criança é assim mesmo, na casa dos outros uma belezura kkk
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  9. Aqui é um desafio.
    A Mi come pouco, e não gosta de verduras.
    Criei algumas regras e explico a importância dos alimentos para sua saúde e crescimento.
    Ela aceita os argumentos, mas resiste em provar o que não gosta, ou o que não é familiar.
    Confesso que faço muitos acordos.

    http://feitocomcarinhodemae.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas continua insistindo o importante é não parar, somente quando ela não gosta mesmo !
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  10. Confesso que tenho que melhorar na variedade alimentar da nossa casa... hihi...
    Mas em relação a comer bem e sentado, nunca tive problemas com o Cauê. As vezes as avós comentem esse erro. Mas em casa, é sem muito privilégio.

    Uma coisa que deu super certo em casa foi a questão de todos se alimentarem em horas certas e juntos. Os tres sempre na mesa além de aumentar o convívio familiar, garantimos que o pequeno coma certinho!

    Beijos
    Karin

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também prezo muito por esse momento família e não abro mão!
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  11. Adorei as dicas, aqui em casa é uma guerra com minhas duas meninas.
    beijos

    http://diariodasprincesasdamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  12. Ótimas dicas, Thaty, adorei! Bom divulgar isso né? Bjus Coisas da Lara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom vc gostou, e vc é o exemplo de uma mãe que adora inventar pratos legais para Lara!
      Obrigada pelo carinho!
      Adoramos a sua visitinha!
      Volte sempre!
      Bjos

      Excluir
  13. Parabéns pelo post e quero ressaltar que cometi alguns erros sim, mesmo me policiando.
    Abraço,
    Toninha
    http://www.educar-oprimeiropasso.com/
    http://toninha-ferreira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por compartilhar sua experiência!
      Bjos e Volte sempre!

      Excluir
  14. As dicas vieram a calhar... eu costumava camuflar legumes no meio do arroz e feijão e hoje a Luisa tá esperta e já sacou a minha tática. Ela sempre comeu bem, mas hoje me dia está muito seletiva em relação aos alimentos.
    Abs,
    Raquel
    www.eudonadecasa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom pude ajudar um pouquinho Raquel!
      Bjos e Volte sempre!

      Excluir
  15. Bom dia. Vc tem as bonequinhas na cor laranja para decoração do quarto?

    Ludmila.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não Ludmila! Não vendo nenhum produtos, são apenas inspirações para as mamães!
      Bjos e Volte sempre!

      Excluir

Adoramos a sua visita!
Deixe um recadinho, uma dica, um comentário ou nos conte sua experiência!
Vamos adorar ler! Bjos e Volte Sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...