Alimentação saudável nas férias escolares

Enfim chegou julho e com ele a época mais esperada pelas crianças: as sonhadas férias! É uma delícia esse tempinho de descanso e quebra de rotina. Porém, com a alimentação a atenção deve ser redobrada. É comum nesse período as crianças apresentarem desidratação e diarreias, o que está relacionado com a qualidade e quantidade do consumo de bebidas e alimentos.
Alimentação saudável nas férias escolares
É uma época em que a rotina de toda a família muda, os horários para dormir e para as refeições são diferentes, a criança tem mais acesso a outros alimentos e querem abusar das guloseimas. Por isso, ter rotina alimentar é importante, mesmo nas férias. Seguem as dicas para ajudar nessa fase:
  • O ideal é que as refeições sejam feitas todos os dias nos mesmos horários, com algumas exceções. Quando acontecer aquele passeio, que interfere no horário do almoço, ofereça um lanchinho para criança, vale suco, fruta, cereais.
  • O mesmo vale para o café da manhã, os pais sempre devem oferece-lo, mesmo nos dias que a criança acorda mais tarde. Assim é possível evitar que elas fiquem beliscando até o horário da próxima refeição.
  • As frutas são ótimas para hidratar, dar energia, são práticas e uma ótima opção para lanchinho. Realize a higienização previamente em casa, e opte por frutas que são difíceis de estragarem em pequenos percursos. Exemplos: maçã, banana, pera, ameixa, pêssego e uva.
  • Outros lanchinhos práticos e gostosos são ovinhos de codorna já descascados, tomatinhos cerejas, palitinhos de pepino ou cenoura, talhinhos de couve. Lembre-se de utilizar uma lancheira térmica para o transporte e realizar o consumo em até 2h.
  • É quase inevitável o acesso às guloseimas, mas é essencial limitar o consumo, e não deixar as embalagens à vontade nas mãos da criança. Também é importante não ter o estoque desse tipo de produto em casa.
  • Nas férias também é comum reduzir o consumo de líquidos devido ao frio e a tanta energia para brincar que é difícil parar a criançada parar, mesmo que esteja com sede. Portanto deve-se intercalar as refeições com muito líquido, principalmente água
  • Que tal mudar a percepção do alimento com seu filho? Organize os horários para que a família realize as refeições junta, sem distrações. Leve-o nas feiras e compras ao supermercados. Chame-o para participar do preparo dos alimentos, acredite, as crianças adoram!
Lembre-se que se alimentação saudável não faz parte da rotina da criança, fica mais difícil ela entender a importância e certamente vai rejeitar frutas, legumes e verduras. Mais do que estipular o que é bom para a criança ou não, são os pais que devem ser exemplo!
Pâmala Mara
Nutricionista Clínica e Materno Infantil- CRN13084
Panelinhas Kids 
Instagram: @panelinhaskids
Facebook: /panelinhaskids
Tel: 31 987499685

1 comentários:

  1. Ótimas dicas, verdade mesmo nas férias acabamos mudando os horários das refeições e até comendo fora, vale observar mais . Bjs https://patriciacharleaux.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Adoramos a sua visita!
Deixe um recadinho, uma dica, um comentário ou nos conte sua experiência!
Vamos adorar ler! Bjos e Volte Sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...