O que é comportamento inadequado?

Você já deve ter ouvido dizer que seu filho pode ter efetuado um comportamento inadequado, mas você sabe quando eles são realmente inadequado?

Bom, para nós, analistas do comportamento, nenhum comportamento, seja ele adequado ou inadequado deve assim ser categorizados segundo julgamentos ou hábitos familiares ou culturais. Em outras palavras, adequado ou inadequado não são equiparados a certo ou errado, bom ou ruim ou desejável e não desejável. 

O que é comportamento inadequado?
Todo comportamentos que reproduzimos modifica nós mesmos e o ambiente em que nos cerca. Com as crianças não é diferente! Elas também vão se comportando e aos poucos vão modificando o ambiente produzindo sentimentos e sensações boas ou desagradáveis a elas e aos envolvidos. Quando elas emitem comportamentos adequados, as pessoas ao seu redor tendem a parabeniza-las, sorrir, elogiar ou demonstrar carinho e afeto, fazendo com que a criança se sinta bem pelo que fez. Aqui denominamos seu comportamento como adequado, ao passo que sua emissão trouxe sentimentos bons tanto para a criança quanto para quem está ao seu redor. 

Quando a criança emite comportamentos excessivos, como gritos, choro excessivo, rigidez alimentar, agressão ou timidez ela pode produzir, ao mesmo tempo, sentimentos desagradáveis nas pessoas ao seu redor como tristeza, desmotivação, sensação de invalidez, cansaço e até mesmo raiva, sendo que ela também pode se sentir mal, por ver o que seus comportamentos esta causando nas pessoas ao seu redor. Neste caso, denominamos seus comportamentos como inadequado, pois produz consequências coercitivas, punitivas ou ruins tanto para a criança quanto para as pessoas que convive.

Por isso, acreditamos que há sofrimento tanto para a criança quanto para os pais, pois uma criança que emite comportamentos inadequados com muita frequência pode ter um déficit comportamental ou inabilidade de conseguir emitir comportamentos adequados.

Caso você sinta desconforto com o que seu filho faz na rotina dele é provável que as outras pessoas com quem ele convive (professores, amiguinhos, familiares) também sintam e por isso, torna-se imprescindível a ajuda de um profissional, já que a principal consequência desses comportamentos é o afastamento e distanciamento das pessoas e perda de habilidades sociais importantes para o desenvolvimento infantil.

A CACO Psicologia atua diretamente com a modificação desses comportamentos, auxiliando na diminuição e frequência desses comportamentos, aumentando a possibilidade de comportamentos adequados que favoreçam a relação das crianças com os pais e demais pessoas de seu contexto. Ficou alguma dúvida? Você tem percebido esses comportamentos em seu filho? Entre em contato conosco!

Wallana Coutinho Soares - CRP 04/45434
Marina Junqueira Nolasco - CRP 04/45417
Instagram: @cacopsicologia
Facebook: /cacopsicologia

0 comentários:

Postar um comentário

Adoramos a sua visita!
Deixe um recadinho, uma dica, um comentário ou nos conte sua experiência!
Vamos adorar ler! Bjos e Volte Sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...