Por que não oferecer leite de vaca aos bebês menores de 1 ano?

Por que não oferecer leite de vaca aos bebês menores de 1 ano?Na prática clínica não é incomum recebermos mamães e papais que foram orientados a oferecer leite de vaca de caixinha, saquinho ou em pó, para bebês menores de 1 ano. Muitos bebês são apresentados ao leite de vaca com dias ou poucos meses de vida. Infelizmente essa realidade é comumente encontrada e não somente em comunidades e famílias com poucos recursos financeiros. Muitos pais por desconhecimento ou má orientação realizam essa prática que é tão prejudicial a saúde dos bebês. 

De acordo com os principais órgãos e sociedades que estudam e determinam as diretrizes para as práticas nutricionais na infância, como a OMS, SBP, AAP, entre outras, a recomendação é que bebês menores de 6 meses sejam amamentados exclusivamente com leite materno e após os 6 meses recebam alimentação complementar, sendo a amamentação continuada até 2 anos ou mais. Crianças que não podem ser amamentadas com leite materno por motivos específicos, devem receber fórmula infantil própria para a idade, sendo o oferecimento de leite de vaca e produtos lácteos “permitidos”, APENAS após 1 ano de vida. 

O aleitamento materno é sempre a melhor pedida e deve SEMPRE ser estimulado e apoiado! A amamentação possibilita inúmeros benefícios para a mãe e o bebê, entre eles:
  • Formação do sistema imunológico da criança;
  • Prevenção da obesidade, alergias, anemia, asma, desnutrição, entre outras patologias ou condições de saúde;
  • Melhor digestibilidade acarretando menos cólicas ao bebê;
  • Aumento do vínculo mãe-filho;
  • Prevenção do câncer de mama, ovário e do desenvolvimento de doenças cardiovasculares pela mãe;
  • Estímulo ao retorno do útero ao tamanho normal e redução do sangramento pós-parto;
  • Leite materno não tem custo, não precisa ferver ou aquecer, é prático e está sempre pronto para ser oferecido...
Infelizmente, como dito anteriormente, existem determinadas condições de saúde materna ou do bebê (condições ESPECÍFICAS, não comuns) que impossibilitam a amamentação, nesses casos um profissional deve orientar a escolha de uma fórmula infantil adequada, ressaltando que essa NÃO SUBSTITUI o aleitamento materno, porém, é uma alternativa nesses casos ESPECÍFICOS. 

Mas afinal, por que o leite de vaca e produtos lácteos não devem ser oferecidos aos bebês menores de 1 ano? São vários os fatores, entre eles: incompatibilidade de fatores imunológicos de espécies diferentes, incapacidade gástrica de digestão da proteína do leite pelos bebês, aporte excessivo de cálcio, potássio, proteínas e sódio, possibilidade de desenvolvimento de alergia ao leite, sangramento intestinal entre outros.

Nesse mês de agosto que comemoramos o “Agosto Dourado” que sejamos mais do que incentivadores e apoiadores do aleitamento materno, sejamos mais empáticos e solidários com mães que amamentam e também com aquelas que por algum motivo não pudera m amamentar. 

Leia também:
Alimentação saudável nas férias escolares: AQUI
Festa Junina mais saudável: AQUI
Os mil primeiros dias que mudam uma vida inteira: AQUI
NUTRIÇÃO NA GESTAÇÃO: AQUI
Eliane A. Alves Novais
Nutricionista Clínica e Materno Infantil- CRN13111
Panelinhas Kids 
Instagram: @panelinhaskids
Facebook: /panelinhaskids
Tel: 31 99946 6710

0 comentários:

Postar um comentário

Adoramos a sua visita!
Deixe um recadinho, uma dica, um comentário ou nos conte sua experiência!
Vamos adorar ler! Bjos e Volte Sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...